Twin Trouble
  • Twin Trouble

    R$860.00Preço

    Twin Trouble

     

    O que guitarristas como Eric Johnson, Steve Ray Vaughan, Buddy Guy, The Edge, Kirk Hammet, Billy Joel Armstrong, entre outros tem em comum? Desafiando o tempo, independente do estilo, todas essas lendas da guitarra usaram um Tube Screamer como degrau na sua subida até o topo. Ao lado dos Tone Benders e Fuzz Faces, formaram a santa trindade das distorções que mudaram não só o rock, mas a música pra sempre! Ao longo dos anos, o Tube Screamer não se consolidou somente como um dos pedais mais influentes da história, mas também é com certeza o pedal mais clonado, modificado e usado como ponto de partida quando se fala em Overdrive. Na verdade o termo TS, virou um ponto de referência no dialeto guitarristico. Muitos acreditam que o projeto original pode ser melhorado e por isso nós vemos tantas modificações por aí, a Aura Amps e o Victor Pradella discordam, acreditam que o projeto original de 79 é impecável e não vale a tentativa de ser melhorado, porque chegaram à conclusão de que é impossível! Agora eu te pergunto, o que pode ser melhor que umTS? Nós diremos: Dois! O guitarrista e produtor musical Victor Pradella usa Screamers a vida todo como uma ferramenta essencial pra acertar o som das suas guitarras na mix, seja no estúdio, ou ao vivo. Os médios são certeiros, o boost de volume, mesmo sem ganho, melhora relativamente o som de amps clássicos como Plexis e Rectifiers e essa combinação é usada por muitos produtores ao longo da história! Agora algo que nós não vemos comumente, é a mistura que o Victor costumava fazer ao vivo, dois TS em série, um como boost do outro, resultando num som apimentado, mais gordo, mais sujo e com uma cara fuzzy que não se encontra por ai. Pode acreditar que se a Maxom (empresa que desenvolveu o primeiro TS) ou a Ibanez (Quem comprou o projeto e distribuiu pro mundo todo) tivessem feito esse projeto nós não faríamos. O Twin Trouble é isso, dois overdrives clonados, sem filtros, sem EQs ou possibilidades a mais. Simplesmente o bom é puro Screamer em dose dupla!